Amadurecimento

Espelho meu

22:45,9 Comments


Seus passos nos trouxeram até aqui e o que vem além? Você não consegue ver? A estrada continua por ali e eu vou estar sempre aqui. Não tenha medo, quem pensas ser? Ah querida, foram tantos tombos, alguns fizeram você acreditar que não conseguiria levantar; te derrubaram sem você ver. Quantos joelhos ralados, suas fraturas expostas e seus cortes profundos. Olhos marejados, borrados e vazios. Lembra-se as vezes que se sentou desistindo da caminhada? Essas noites foram as mais frias, até as estrelas sumiam. Já cheguei a acreditar, uma vez, que tudo estaria perdido, mas você levantou. Em todas elas você se levantou e continuou. Não chore. Isso tornou-te quem és, minha guerreira. Aquela que mesmo cansada ergue sua espada e levanta os olhos vermelhos mais uma vez. Sorria querida, você chegou até aqui e não acabou inda, é o teu sorriso que afasta as sombras do caminho. Ainda há pontes a serem cruzadas e terras a serem conquistadas. Se desfaça do peso morto que trás nos ombros. O mundo não pode e não vai se consertar hoje. Feche as portas que dão para o passado, não vale a pena espiar o que podia ter sido e não foi. Não esconda as cicatrizes, contudo não as exalte, são outros tempos. Guarda teus segredos para os ouvidos certos e teus beijos há quem se possa amar. Queria poder dizer que não mais sofrerás, mas saberias que estou a mentir. Já lhe ensinei coisas demais para acreditares nessa lorota. Posso ao menos revigorar teu animo, trançar seu cabelo e te apontar um caminho quando estiveres perdida. Não garanto a qualidade da estrada, nem o destino final. Tenho muitas qualidades, entre elas não se encontra ver o futuro. Não tenho todas as respostas. Mas ouvirei todas as vezes que a voz lhe faltar, quando se sentir sozinha, quando tiveres medo, quando ele for maior que você. Eu poderei cantar nas noites que você não conseguir dormir, basta não perder a fé. Essa chama que insiste em acreditar, que tudo vai dar certo. Por quê, você pergunta. Porque eu sou alguém que lhe quer bem.

NÃO SAIA SEM LER:

9 comentários:

  1. Carambaaaaaa! Que lindo, que lindo, que lindooooo! Olha, eu realmente não tenho palavras. Guria, você arrasa, viu? Adorei seu post. "A estrada continua por ali e eu vou estar sempre aqui" Suuuuper beijo da Nique pra você Lu <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Nique!!!! Então, vou estar sempre aqui, pode vir quando quiser!! bjos <3

      Excluir
  2. Como é confortante quando "achamos" as palavras certas. As dores diminuem quando conseguimos escrever.
    http://ladomilla.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É sim Ca! Podemos ver as dores de fora e fica tudo tão pequenino diante das coisas boas que nos envolvem!
      Bjoks <3

      Excluir
  3. Luuuu, amei de mais esse texto, esperança, perseverança, fé e sonhos é o que precisamos todos os dias! Está de parabéns, lindo texto. Sucessos pra você. Beijurso!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Queridos!!!
      "Sonho é o que nos mantém acordados" - camiseta da C&A cheia de sabedoria!!! rs
      Bjoks ou melhor Beijurso!

      Excluir
  4. Ótimo texto, Lu! É preciso muito FOCO, FORÇA E FÉ para nos mantermos firmes no caminho que nos leva aos nosso sonhos!

    Beijos, linda!

    www.deualoucanaamelia.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Nossa, mexeu comigo, textos assim fazem tocar o que de triste esta acontecendo com a gente! Muito bom trabalho Lu.

    ResponderExcluir

Obrigada por ler a crônica, espero que tenha gostado. Deixe o link do seu blog para que eu possa retribuir a visita e conhecer seu trabalho. Apareça mais vezes, vai ser um prazer ter você como leitor(a).