Opinião

O que é evolução?

16:48,4 Comments

Imagem retirada do Google.

I am ahead, I am advanced
I am the first mammal to make plans, yeah

Eu estou a frente, eu sou avançado
Eu sou o primeiro mamífero a fazer planos, yeah
Pearl Jam - Do The Evolution
A Opinião de hoje não é exatamente sobre um fato, mas sobre um conjunto de coisas que chamamos todos os dias de EVOLUÇÃO. Procurando no famigerado Google, evolução é o ato de evoluir e evoluir é passar por processo gradual de evolução, o que não ajuda em nada. A grosso modo, evoluir é transformar de forma contínua e harmoniosa. No entanto, muita gente confunde isso com aprimoramento, porém não são a mesma coisa. Aprimorar é uma forma de evoluir que visa benfeitorias, melhorar, apurar, mas nem toda evolução tem esse propósito.

O trecho acima é de uma música gravada em 1998, Do The Evolution, da banda grunge, Pearl Jam. Nela são questionadas situações cotidianas enfrentadas pela dita evolução do homem. Fomos os primeiros a usar calças e planejar, mas não fizemos isso direito. E o pior é pensar que, quase 20 anos depois, continuamos parados no mesmo ponto dessa letra. O que estamos fazendo com nossos índios? O que fazemos com as florestas, a água, os mares? Chamamos isso de evolução, o planeta chama de destruição. Não estamos deixando nada para os que virão. Estamos transformando tudo em cédula e dizendo quanto vale, sem dar valor a nada.

Esta terra é minha, esta terra é livre
Eu faço o que eu quiser, mas irresponsavelmente
 Nos deixamos levar pela luxúria envolvente do capitalismo selvagem, que nos ensina a escolher profissões pelos salários, bairros e carros pelos status, que nos diz que vencer na vida é algo completamente diferente do que achávamos que era aos 7 anos. Em Ouro de Tolo, do nosso eterno maluco beleza, Raul Seixas, descreve situações ainda mais próximas da realidade dos brasileiros. Mas pasmem, ela foi escrita em 1973 e ainda consegue ser atual. O que, deveria, incomodar profundamente a nossa sociedade.

Ah! Eu devia estar sorrindo
E orgulhoso
Por ter finalmente vencido na vida
Mas eu acho isso uma grande piada
E um tanto quanto perigosa 
 O que nós estamos fazendo com o nosso tempo? Como o nosso mundo? Conosco? Esperando tudo virar pó para chorar as mágoas? O que é vencer na vida? Pense um pouco, respira fundo, se desgarra das respostas prontas que você aprendeu por osmose. Pensa no teu íntimo, no que te faz feliz. O que é vencer na vida? E o que você está disposto a abrir mão para conseguir? Seu planeta? Sua família? Sua crença? Seus princípios? 

Estamos abrindo mão de muita coisa como sociedade para dar lugar à EVOLUÇÃO citada pelo Pearl Jam e estamos nos contentando com muito pouco como disse Raul. Ainda dá tempo, nem todas as coisas estão perdidas. Podemos não salvar tudo, mas se pararmos agora, ainda teremos muito. Vamos desacelerar essa busca incansável pelo poder, pelo dinheiro e vamos sorris mais. Pensar mais na felicidades uns dos outros. Trocar. Se conectar com as pessoas para além de uma tela. Se solidarizar pelo drama daquele que não se conhece.

No caminho da evolução, nos ensinaram a construir um muro em volta dos nossos corações, a fim de nos proteger. Colocaram telas sobre nossos olhos para não vermos tão completamente. Taparam nossos ouvidos. Nos ensinaram que temos que correr contra o tempo. Nada disso nos protege e eu ainda ousaria afirmar: pode ser a causa de muita dor.

Repense seu modo de vida. Revise seus sonhos. Reveja seus planos. Inclua neles o futuro da terra, a preservação do verde, o respeito pelo outro, o amor ao que não se pode tocar. Não seja apenas um dígito na conta. Não se limite à um amontoado de objetos. Coloque o coração para fora. Sinta. Sinta a dor e a alegria que pode ser viver. Não se engane mais quando disserem que isso é evolução.

NÃO SAIA SEM LER:

4 comentários:

  1. Em um dia tão corrido e atarefado, é muito bom ver uma reflexão como essa. No trabalho, imprimimos coisas desnecessárias, amassamos e depois jogamos fora, e quando a consciência pesa, usamos um ou dois papéis de rascunho. Isso é diário e acontece com muita gente. Imagino o buraco que tudo isso vá causar daqui a alguns anos...

    ResponderExcluir
  2. Em um dia tão corrido e atarefado, é muito bom ver uma reflexão como essa. No trabalho, imprimimos coisas desnecessárias, amassamos e depois jogamos fora, e quando a consciência pesa, usamos um ou dois papéis de rascunho. Isso é diário e acontece com muita gente. Imagino o buraco que tudo isso vá causar daqui a alguns anos...

    ResponderExcluir
  3. Estava precisando refletir sobre o assunto e o teu post me ajudou muito. Parabéns pela sensibilidade e pela delicadeza que conseguiu introduzir nas suas palavras, mesmo se tratando de um assunto tão sério.

    Me chama de Bella

    ResponderExcluir
  4. UAL! Parabens Lu. Este foi um post bem denso e pesado, mas eu adorei como ainda assim voce consegue ser sutil e nos ajudar a repensar. Serio, uma palavra define o teu post: autenticidade. Beijos

    ResponderExcluir

Obrigada por ler a crônica, espero que tenha gostado. Deixe o link do seu blog para que eu possa retribuir a visita e conhecer seu trabalho. Apareça mais vezes, vai ser um prazer ter você como leitor(a).